O silêncio do TCU diante da fala sem provas de Bolsonaro sobre mortes por Covid

Enquanto o tribunal de contas não se posiciona, apoiadores do presidente usam a declaração do presidente para questionar o número de óbitos pela doença
O silêncio do TCU diante da fala sem provas de Bolsonaro sobre mortes por Covid
Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Mais cedo, como noticiamos, naquele conversa com apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada, Jair Bolsonaro disse, sem apresentar provas, que um relatório do TCU mostraria que metade das mortes por Covid registradas no ano passado tiveram outras causas.

O TCU ainda não se pronunciou sobre o assunto. O Antagonista aguardava um retorno até a publicação desta nota — a informação era de que uma resposta estaria sendo preparada.

Enquanto isso, apoiadores do presidente usam a declaração para questionar o número de mortes por Covid no Brasil.

A deputada federal Bia Kicis (PSL), presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, escreveu no Twitter, repercutindo a fala de Bolsonaro:

“Segundo relatório do TCU, ainda não final, 50% dos óbitos registrados por COVID, NÃO FORAM POR COVID-19!”

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
TOPO