O SINDICATO DOS PRESÍDIOS

O Antagonista revelou há dois dias que a Umanizzare e a Auxílio Agenciamento de Recursos Humanos e Serviços dominam a gestão dos presídios no Amazonas.

Chamou a atenção que empresas abertas no Ceará e em Goiás tenham monopolizado o sistema carcerário amazonense.

Descobrimos agora que Regina Celi Carvalhaes de Andrade, de Anápolis, e seus sócios Arleny de Araújo e Larissa de Carvalho, de Fortaleza, integram o mesmo grupo de Luiz Gastão Bittencourt, presidente da Fecomércio cearense.

É como se a Umanizzare e a Auxílio Agenciamento fossem uma coisa só.

Mulher de Gastão, Eliana Gurgel Monteiro Bittencourt aparece como representante da Umanizzare na chapa que concorreu ao comando do chamado Sindicato Nacional das Empresas Especializadas na Prestação de Serviços em Presídios e Unidades Socioeducativas.

Na mesma chapa para o comando da entidade patronal, também figura como representante da Umanizzare Lélio Vieira Carneiro Júnior, sócio de Bittencourt na Auxílio Agenciamento.

Além de administração prisional, o grupo atua também nos setores de segurança, limpeza, serviços administrativos, imóveis e agropecuária.

Faça o primeiro comentário