O subsídio bilionário a uma 'indústria nascente'

O subsídio bilionário a uma indústria nascente
Foto: Pixabay

João Amoêdo, o fundador do Novo, publicou em seu Twitter oficial uma conta dos subsídios ao setor automotivo no Brasil desde o primeiro ano do governo Lula.

De 2003 até o ano passado, foram nada menos que R$ 62,5 bilhões para essa “indústria nascente” de mais de 60 anos. O maior montante foi em 2019, já no governo de Jair Bolsonaro: R$ 6,7 bilhões.

“Até quando o brasileiro vai continuar pagando esta conta?”, pergunta Amoêdo. A resposta mais provável é uma rima: não tão cedo.

Leia mais: OS NEGÓCIOS DE LULINHA: NÃO TEM CRISE PARA O 'FENÔMEMO'
Mais notícias
TOPO