O sucessor de Barusco

A Lava Jato prendeu hoje Roberto Gonçalves, o gerente da Petrobras que substituiu Pedro Barusco.

Ricardo Pessoa o acusou de ter recebido propina para as obras do Comperj, juntamente com Pedro Barusco, Renato Duque e João Vaccari Neto.

É mais um nome que vai complicar a vida do PT.

R$ 5 milhões para Gonçalves, R$ 15 milhões para Vaccari