O terrorista Battisti e a inocência de Lula

Depois de confessar quatro assassinatos, o terrorista Cesare Battisti disse para o procurador Alberto Nobili que se declarava inocente para “obter apoios da extrema esquerda na França, no México, no Brasil e do próprio Lula”.

Ele disse também que já sabia que as coisas mudariam para ele com a ascensão de Jair Bolsonaro.

Comentários

  • Orlando -

    Estamos esperando a decisão da ONU sobre o caso Lula!!!

  • Anderson -

    O pior de tudo e que ainda há imbecis que defendem Lulalau e seus comparsas com unhas e dentes. É ser muito burro, pqp!!!

  • José -

    Sem lenga lenga...1º)Transposição Velho Chico. 2º)Transnordestina.3º)18 Novas Universidades.4º)422 Escolas Técnicas.5º)173 Campis Universitários...o que BHOSTANAGUA FÊZ MESMO ???

Ler 157 comentários