O tirano do Irã apoia o 'señor Lula'

Em sua conta oficial no Twitter, Mahmoud Ahmadinejad elogiou o “señor Lula”, que o recebeu no Brasil em 2009, e disse que “entende” o que está acontecendo com o presidiário.

“Em todo o mundo, os inimigos dos amantes da liberdade usam táticas semelhantes para suprimir libertadores”, escreveu o iraniano.

Ahmadinejad entende de supressão de liberdades. Seu governo reprimiu violentamente os protestos no Irã depois da sua reeleição, em 2009, num pleito repleto de acusações de fraude. Há líderes das manifestações presos até hoje.

Sem contar a negação do Holocausto e a defesa da destruição de Israel. É esse tipo de gente que compõe o “apoio internacional” ao condenado.

Comentários

  • Mauricio -

    É a velha história do sujo falando do mal lavado, nesse caso falando bem. Eles se merecem.

  • Marçal -

    Faz sentido. Corruptos e ditadores apoiam.... corruptos e ditadores. Dentro da normalidade.

  • Ivan -

    Deve ser uma honra, e um prazer, ter o apoio de Ahmadinejad, ele falando em "liberdade" e "libertadores".

Ler 54 comentários