“O tríplex é parte de um total de R$ 3,7 milhões em propinas pagas a Lula”

“Ao ser interrogado nesta quinta-feira pelo juiz Sergio Moro, o ex-presidente da OAS, Léo Pinheiro, afirmará que a propriedade do apartamento 164-A do edifício Solaris, no Guarujá, é mesmo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva”.

As fontes do Valor devem ser as mesmas de O Antagonista.

E mais:

“O empreiteiro confirmará a tese acusatória do Ministério Público Federal de que o tríplex é parte de um total de R$ 3,7 milhões em propinas pagas a Lula e relacionadas a três contratos da OAS com a Petrobras”.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200