O verdadeiro Pós-Itália

Tarso Genro disse ao Estadão que haverá uma debandada no PT:

“Se a maioria partidária sonegar uma profunda discussão sobre os nossos problemas, certamente haverá uma dispersão, pessoas vão sair. Algumas dessas pessoas poderão ir para um novo partido, outras deverão se desligar e ficar na sociedade civil”.

O PT tem de desaparecer.

Foi o que aconteceu na Itália, dois anos depois de Mani Pulite: os partidos de governo, em particular a DC e o PSI, fecharam as portas.

Faça o primeiro comentário