OAB lamenta decisão de prisão em 2ª instância

A OAB acaba de divulgar nota lamentando, óbvio, a decisão de ontem do STF de manter a prisão de condenados em segunda instância:

“A decisão do STF de permitir a execução antecipada da pena antes do trânsito em julgado exige do Poder Público, especialmente do Poder Judiciário, novas e urgentes posturas. A OAB, guardiã das garantias individuais, combatente das injustiças e defensora da cidadania, ao mesmo tempo em que luta contra a corrupção e a impunidade, também defende intransigentemente a liberdade.”