Odebrecht admite que reformou sítio de Lula

A Odebrecht já disparou a primeira bomba contra o PT.

Em nota à Folha de S. Paulo, a empreiteira admitiu que seu engenheiro Frederico Barbosa trabalhou na reforma do sítio de Lula, “em atendimento a um pedido de um superior hierárquico da empresa”.

Procurada pela reportagem, a Odebrecht “não informou o nome de quem teria feito o pedido”.

Entendeu o recado, Lula?

Faça o primeiro comentário