ACESSE

Odebrecht entrega Renan

Telegram

A PGR incluiu novos e-mails de Marcelo Odebrecht ao inquérito sobre Renan Calheiros, diz Andréia Sadi.

Um desses e-mails diz:

“Ontem me reuni com Sen Renan, que incluiu uma emenda de relator e permitiu que Chesf fosse beneficiada até 2015. Vamos tentar ainda incluir possibilidade de renovação nas mesmas bases. Contudo já foi uma vitória!”

Outro e-mail retoma o assunto:

“JW e Renan hoje têm força suficiente para, se quiserem, conseguirem resolver o tema da energia Chesf.”

JW é Jaques Wagner, que ainda está solto, assim como Renan Calheiros.

O inimigo número 1 de Sergio Moro. Leia AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 95 comentários