OEA lamenta falta de fiscalização e alerta para atraso no julgamento de candidaturas

A OEA, que elogiou o voto eletrônico do Brasil, lamentou a ausência de fiscais dos partidos, que não fazem “uso dos espaços que lhes são garantidos para fiscalizar as diferentes etapas do processo eleitoral, incluídas as provas de segurança das urnas”.

Os observadores da OEA visitaram 390 seções eleitorais em 130 locais de 12 estados e do Distrito Federal. Uma equipe também esteve presente na sala de verificação de totalização do TSE.

Na mesma nota, a OEA também constatou “número significativo de candidatos, tanto ao Congresso Nacional quanto aos governos estaduais e Assembleias Legislativas, cujo registro ainda não havia sido julgado”.

Na reta final da eleição, o que você não pode deixar de saber está AQUI

Temas relacionados:

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 53 comentários
  1. OEA,Vou explicar: Esse país já é comunista e tem 98% da imprensa comprada por eles,,,Entendeu ou tenho q desenhar? As fraudes foram feitas e hj ja acabou em pizza…ok? aí se o EB se mete,chamam G

    1. Nem DEUS confia mais nesse país..BOLSO 17….Por Favor,,ACORDEMMMM..É o Mal x o Bem,,,Simples assim…Em cima do muro é do Mal tb,,tem q saber o q é bem e mal

    1. Fiscalizar o quê? Ficar olhando computadores rodando totalizações d urnas é igual a burro q segue a cenoura pendurada na frente d seu focinho. É teatro para idiotas.

  2. Fui mesária voluntária porque queria entender o processo. Na minha seção foi tudo normal, a grande maioria dos votos foi pro Bolsonaro (230 x 13 pro Haddad). Achei o processo bem confiável.

    1. Vc perguntou a cada um dos eleitores em quais candidatos eles votaram e fez uma totalização paralela? Não? Então não pode atestar nada.

    2. O Ricardão, cada urna emite um boletim no final do período de votação contabilizando quantos votos ela tem e quantos votos cada candidato recebeu. Vc deveria saber disso.

  3. Urnas que não podem ser auditadas e que não imprimem o voto. Como confiar nessas joças? Há relatos de urnas fraudadas para prejuízo do B17 no país todo. E aí? Vai ficar por isso mesmo?

  4. Minha opinião já externei. Os datafoices já sabiam do indice superior a 42% mas manipularam os números para desestimular o voto util. Mas se houve fraude, era o alibi para represamento de voto.

  5. Na minha seção eleitoral tinha 1 pessoa na porta e só 2 mesários conversando. Eu disse bom dia aos mesários e eles continuaram conversando não dando a mínima. Nenhum fiscal.

  6. Sou velho e posso dizer.Na época do papelzinho havia uma enxurrada de fiscais. Pelo menos em cidade populosa.Hj facilitaram no dedinho pra fraudar.Ninguém quer saber de fiscalização.Piloto automá

    1. Dps das primeiras eleições com urna eletrônica desistiram d fiscalizar pq não há nada q possam fazer. Só olhar computador vomitando números não é fiscalização nenhuma.

  7. Brasil é o único pais noMUNDO que usa essa versão ultrapassada de urna! Não é auditável! Outros países usam já uma versão atualizada muito mais eficiente e auditável! A nossa é by Venezuela

    1. O Brasil se espelhando em Republicas de terceiro mundo! Os Países Bolivarianos TODOS tem urna eletrônica! Na Argentina colocaram a impressão p ser auditavel

  8. Estamos certos! Os EUA, Alemanha, França e Inglaterra que estão errados! Faz me rir seu comentário! Se essa urna fosse dos EUA queria ver se vc acreditaria!Não! Aí é gopi! É fraude!

  9. Joyce eleita com a maior votação da história, novo video dá mais detalhes da fraude do cracker que fraudou 3 eleições. Dilma, Lula, PT e um ministro do STF. NEGOCIAÇÕES EM PORTUGAL.

  10. Aos que defendem as urnas eletrônicas Smartmatic PT pergunto: vc tem coragem de colocar o seu dinheiro num banco onde esses venezuelanos das urnas, administrariam a segurança do seu dinheiro?