Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Ofícios mostram que Barroso foi convidado por deputados a debater voto impresso

Em mais uma falsa narrativa, Jair Bolsonaro acusou o presidente do TSE de ir à Câmara para tentar mudar os votos dos parlamentares
Ofícios mostram que Barroso foi convidado por deputados a debater voto impresso
Foto: TV Câmara

Além de voltar a insultar o ministro Luís Roberto Barroso e requentar peças de desinformação contra o voto eletrônico, Jair Bolsonaro acusou o presidente do TSE de ir à Câmara mudar o voto dos parlamentares com “interesses escusos”.

Trata-se de mais uma mentira deslavada do sociopata que ocupa a Presidência da República.

Cópias dos ofícios com convites a Barroso, obtidas por O Antagonista, derrubam a falsa narrativa.

Um dos documentos é assinado pelo próprio presidente da Câmara, que convidou o ministro a participar de uma audiência, no dia 9 de junho, em que se discutiu o voto impresso e os sistemas eleitorais.

Também o deputado Paulo Martins, presidente da comissão do voto impresso, convidou o presidente do TSE para outra audiência, no dia 15 do mesmo mês. Barroso devolveu o convite e o chamou para ao tribunal eleitoral para conhecer o sistema eletrônico, o que aconteceu em 21 de junho.

Se alguém foi convencido a abandonar a ideia esdrúxula do voto impresso, isso aconteceu de forma republicana e a convite.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO