Olho no STF!

Marco Aurélio chega ao STF para o importante julgamento sobre prisão de condenados em segunda instância.

O ministro é o único que já votou: para ele, a prisão antes do esgotamento de todos os recursos é inconstitucional.

Os outros 10 integrantes da Suprema Corte devem se posicionar logo mais.

Faça o primeiro comentário