Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Omar Aziz defende Luis Miranda após decisão do Conselho de Ética

Há pouco, o relator do colegiado Gilberto Abramo deu prosseguimento à denúncia contra o deputado que denunciou o escândalo da Covaxin
Omar Aziz defende Luis Miranda após decisão do Conselho de Ética
Foto: Pedro França/Agência Senado

O presidente da CPI da Covid, Omar Aziz (PSD-AM), criticou há pouco a decisão do relator do Conselho de Ética da Câmara, Gilberto Abramo (Republicanos-MG) de dar prosseguimento à denúncia contra o deputado Luis Miranda no colegiado.

A representação contra Miranda foi assinada pelo presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson. O ex-deputado, que hoje está preso, afirmou que o parlamentar mentiu na CPI para prejudicar Jair Bolsonaro.

Miranda afirmou, em depoimento, que o presidente citou Ricardo Barros, líder do governo na Câmara, como o responsável pelo esquema da Covaxin.

Segundo Aziz, nem o presidente desmentiu Miranda. O presidente da CPI afirmou que a Câmara não tem tomado providências semelhantes diante de pessoas mais poderosas.

Uma denúncia que até hoje o presidente não disse se é verdade ou mentira. Veja bem a celeridade do relator em querer punir o deputado Luis Miranda. Não estou aqui defendendo o deputado Luis Miranda, longe de mim. Estou falando sobre o procedimento. Esse mesmo procedimento a Câmara não está tendo em relação a pessoas mais poderosas. Espera pelo menos o presidente desmentir o Miranda.”

Em referência a Ricardo Barros, Randolfe Rodrigues (Rede-AP) ironizou: “É coisa de ‘pé de Barros'”.

Mais notícias
TOPO