“A onda Bolsonaro em redutos lulistas é um fato”

O deputado federal Guilherme Coelho, do PSDB de Pernambuco, disse a O Antagonista que rodou 16 municípios do estado nos últimos dias e pode atestar que “a onda Bolsonaro em redutos lulistas é um fato”.

“É uma onda forte. E, veja bem, muita gente não divulga voto ainda, principalmente aqui na região Nordeste. Porque como o camarada foi petista a vida toda, ele tem até vergonha de dizer que não é mais. Mas você nota que, de fato, existe uma onda Bolsonaro. É fato, é incontestável.”

O parlamentar acredita, inclusive, que a tal onda pode varrer também na reta final destas eleições candidatos da esquerda ao governo e ao Senado que aparecem bem nas pesquisas.

No próximo domingo, Coelho votará em Geraldo Alckmin.

Leia também:

Um voto para a esquerda e outro para Bolsonaro

Bolsonaro X poste de Lula: o antipetismo vai se expressar nas urnas. Confira AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Pc. O ponto fraco do Bolsonaro, agora, é o Mourão. Vaidoso (olhe o cabelo pintado). General, não deseja submeter-se a um capitão. Não digeriu bem o fato de ter sido desautorizado pelo Bolsonaro n

Ler mais 71 comentários
  1. Pc. O ponto fraco do Bolsonaro, agora, é o Mourão. Vaidoso (olhe o cabelo pintado). General, não deseja submeter-se a um capitão. Não digeriu bem o fato de ter sido desautorizado pelo Bolsonaro n

  2. Conversei com um amigo do Piauí e ele falou que nunca tinha visto tanta mobilização do povo da sua região , em uma eleição . BOLSONARO vai surpreender no Nordeste . Vamos lá , CAPITÃO !!!

  3. Outro dia vi um mototaxista no Centro Antigo de Salvador gritando defendendo Bolsonaro com dois colegas. Não ouvi direito o que estava dizendo, mas rolou um “Venezuela” no meio do discurso, hehehe.

  4. Na primeira eleição de governador, em 82, eu vi coisa parecida com a atual de B 17, aqui no Paraná, quando Zé Richa ganhou de lavada. Falava-se baixo a intenção, Ney Braga era o dono do pedaço

  5. Bolsonaro dançando o Baião, Xaxado, Forró, Frevo, Maracatu, Axé e outros ritmos nordestinos no quintal do criminoso presidiário, essa é para o condenado enfiar os 9 dedos e rascar.

  6. Temer é Haddad e Haddad é Temer! Em 2016, Temer rompeu com Dilma, mas não rompeu com Haddad. Haddad manteve a filha de Temer na prefeitura de SP e se escondeu durante o impeachment de Dilma

  7. Se Haddad ganhar o Brasil perde a chance de se tornar uma grande nação. Cada um conhece amigos que já saíram do Brasil… só vai ficar os aparelhados do serviço publico e os pobres que os elegem

  8. Tem gente que está olhando para o candidato e não para o partido. Você votaria num Ivan Valente ou Jean Willis do PSOL? Ou na Maria do Rosário do PT? Pesquise bem sobre o seu candidato!

    1. Hoje percebi isto num engarrafamento atípico no Rio de Janeiro. Cancelei o que ia fazer. Percebi serem pessoas saindo da cidade para outras. Não vão anular. Patriotismo e civismo tomou conta mesmo.

  9. Trabalhei 13 anos em Petrolina. Naqueles anos os prefeitos sempre eram o Guilherme, seu primo Fernando Bezerra ou algum outro da família. Dá um alívio enorme saber que os Petrolinenses não estão

  10. Nunca fiquei tao ansioso para votar! Nem em uma final do Brasil na Copa os brasileiros participaram tanto e com voz unanime! Todos contra o que de pior existe e que destrói um Pais. o PT.

  11. O PSB ratificou apoio ao PT e vetou “rigorosamente” qualquer apoio ao Bolsonaro. O Márcio França é candidato ao governo de S.Paulo pelo PSB. Vai votar nele para fazer oposição ao governo federa

    1. E tocando corneta para despertar todo mundo para um novo Brasil. Que Deus nos abençoe a todos e proteja o nosso Capitão.

  12. A “onda Bolsonaro” é água e creolina no petismo dos rincões! Depois de amanhã, esse país estará de banho tomado de Caburaí ao Chuí, da nascente do Moá à Ponta do Seixas!

    1. Amigos nordestinos, lembrem-se do compromisso do Bolsonaro: terminarei as obras do São Francisco, trarei técnicos de Israel para instruir os agricultores. Exército participará firmemente das obras

  13. Será que até os conterrâneos do 51 perderam a fé no cara? Pelo jeito não foram só eles mas os vizinhos da direita, da esquerda , de trás e da frente também. E de cima e debaixo também. Esta

  14. O Alckmin também deixou esse esquerdista do PSB, o Márcio França, como candidato ao governo de São Paulo, confrontando o próprio partido. Ninguém engoliu, vai se ferrar também!

  15. No Am. os políticos de diversos partidos, aderiram ao 17, há ponto do Amazonino atual gov.n., ter caído nas pesquisas, o brasileiro reconhece que o pt destruiu o país roubando via cachaceiro e a