ONU analisará petição com Lula na cadeia

A ONU confirmou o recebimento da estapafúrdia petição de Lula, mas informou que o processo pode levar “pelo menos dois anos” para ser analisado, informa Jamil Chade no Estadão.

“Os funcionários do escritório da ONU vão examinar a petição, fazer um resumo legal e enviar aos membros do Comitê (de Direitos Humanos) para que avaliem”, diz o texto da assessoria de imprensa da entidade.

Ele acrescenta que “membros vão decidir se o caso pode ser registrado”, se “todas as avenidas legais domésticas foram esgotadas”.

As “avenidas legais”, é claro, não foram esgotadas: a queixa ridícula de Lula é principalmente contra Sérgio Moro, um juiz de primeira instância.

Antes de a ONU se debruçar sobre o caso, Lula estará preso.