Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Onyx estatiza sistema imunológico de 18 milhões de brasileiros

Ministro voltou a comemorar número de 'recuperados' - equivalente a celebrar sobreviventes de bala perdida
Onyx estatiza sistema imunológico de 18 milhões de brasileiros
Reprodução/TV Câmara/YouTube

Onyx Lorenzoni voltou nesta quarta (14) a celebrar o grande número de “recuperados” de Covid no Brasil – um indicador do descontrole da pandemia.

“Fomos surpreendidos por uma nova variante. Mas mesmo assim o Brasil hoje é o terceiro país que mais curou pessoas do planeta”, disse o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, seu terceiro emprego no governo Bolsonaro, à Comissão de Fiscalização da Câmara.

Na verdade não existe “mas”. O Brasil tem um grande número de “recuperados” exatamente porque teve muitos casos, e pela mesma razão muitas mortes. Na Nova Zelândia, por exemplo, o número de “recuperados” é muito menor, e o de mortes também.

Lorenzoni voltou a defender o “tratamento precoce”, que não tem eficácia contra a Covid e pode piorar a situação dos pacientes.

“O Brasil curou 18 milhões de pessoas”, insistiu o ministro.

O Painel Coronavírus do Ministério da Saúde registra hoje 17,7 milhões de “recuperados”, com mais destaque que os 535.838 mortos.

Entre os 20 países mais afetados pela pandemia, o Brasil tem a segunda pior mortalidade proporcional, atrás apenas do Peru, segundo dados da Johns Hopkins. Já foram 253 mortes por 100 mil habitantes, comparado, por exemplo, com 185 mortes por 100 mil habitantes nos Estados Unidos, ou 179 mortes por 100 mil habitantes no Chile.

O Brasil é também o 2º país em número absoluto de mortes por Covid, atrás dos Estados Unidos e à frente da Índia.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO