ACESSE

Onyx recorre para manter no STF apuração sobre caixa dois

Telegram

Onyx Lorenzoni recorreu da decisão de Marco Aurélio Mello de enviar à Justiça Eleitoral apuração preliminar sobre supostos repasses do grupo J&F a ele, por meio de caixa dois.

O advogado Adão Paiani, que defende o ministro da Casa Civil, pediu que o caso continue no STF alegando que Onyx continua deputado federal, mesmo que esteja licenciado do cargo.

Além disso, os advogados argumentam que os repasses não contabilizados alvo da investigação teriam relação com o cargo de deputado federal, e não de ministro de Estado.

URGENTE: LAVA TOGA EM RISCO Saiba mais

Comentários

  • Roberto -

    Outro bolsonarista que corre para o colo quente do foro privilegiado do STF....

  • Lauro -

    Agora entendi porq o Alcolumbre não abre processo de impeachment contra ministros do STF. Eu acho q é mil vezes melhor Bolsonaro do q PT, mas esse não era o governo contra a corrupção, KCT?

  • le -

    O rato desesperado.

Ler 41 comentários