Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Operação contra desvios na saúde em SP apreende R$ 1,2 milhão, aeronave, carros e armas

A Polícia Civil de São Paulo informou que a Operação Raio-X, deflagrada hoje para coletar provas de desvios na saúde no interior de São Paulo, apreendeu R$ 1,2 milhão, uma aeronave, 20 veículos, celulares, oito armas de fogo, munições, computadores e documentos.

Até as 18h, já haviam sido presas 51 pessoas, entre as 64 que tiveram prisão temporária decretada pela Justiça. Foram cumpridos 237 mandados de busca e apreensão em dezenas de cidades em São Paulo, Pará, Paraná, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul.

No estado de São Paulo, as buscas ocorreram em Penápolis, Araçatuba, Birigui, Osasco, Carapicuíba, Ribeirão Pires, Lençóis Paulista, Agudos, Barueri, Guapiara, Vargem Grande Paulista, Santos, Sorocaba.

Todas são investigadas por envolvimento em desvios milionários por meio de organizações sociais contratadas por prefeituras para administrar hospitais públicos. Parte dos pagamentos superfaturados para empresas terceirizadas voltava para o bolso dos gestores.

O Ministério Público não divulgou os nomes dos investigados.

O Antagonista apurou que entre um dos alvos da investigação é Cleudson Garcia Montali, empresário dono de organizações sociais que atuava em diversas cidades do interior paulista e também no Pará. Contratos de suas OSs são investigados na Operação SOS, deflagrada também hoje, sobre desvios na gestão de Helder Barbalho.

Veja fotos da Operação Raio-X:

 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO