Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Operação da PF e da CGU mira desvios em obras contra seca na Paraíba

Sobrepreço identificado supera 21 milhões de reais; Justiça determinou afastamento de um servidor do Ministério do Desenvolvimento Regional
Operação da PF e da CGU mira desvios em obras contra seca na Paraíba
Foto: Polícia Federal

A Polícia Federal e a Controladoria-Geral da União deflagraram hoje a Operação Bleeder, que mira desvios em obras contra a seca na Paraíba. A pedido do Ministério Público Federal, agentes foram às ruas para cumprir 34 mandados de busca e apreensão em João Pessoa, Campina Grande, Patos, Paulista, Pombal, na Paraíba, e em Juazeiro do Norte, no Ceará.

O MPF apura os crimes de desvio de recursos públicos, fraude licitatória, lavagem de dinheiro e corrupção ativa e passiva. Procuradores identificaram irregularidades na construção de açudes em áreas atingidas pela estiagem.

Segundo as autoridades, empresas de fachada ganhavam licitações fraudadas por meio do pagamento de propina a agentes públicos. De acordo com a CGU, as obras investigadas somam 79 milhões de reais. O sobrepreço identificado supera 21 milhões de reais.

A Justiça Federal determinou o afastamento de um servidor do Ministério do Desenvolvimento Regional, Celso Mamede Lima. A pasta é comandada por Rogério Marinho e abriga a Codevasf, a “estatal do Centrão”, responsável por obras contra a seca.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....