ACESSE

Oposição vai à PGR contra deputado que arrancou cartaz

Telegram

Catorze parlamentares de partidos de oposição ao governo entraram com uma representação na PGR contra os deputados Coronel Tadeu e Daniel Silveira, ambos do PSL.

O coronel arrancou um cartaz de uma exposição na Câmara que tratava de racismo e lembrava o Dia da Consciência Negra.

Na representação, os parlamentares afirmam que “a atitude não condiz com a postura esperada de qualquer cidadão, muito menos um parlamentar eleito”.

Em relação a Silveira, o questionamento é sobre um pronunciamento do deputado na Câmara em que ele disse que a “maior população carcerária é formada por negros no Brasil porque mais negros cometem crimes”.

Ontem, deputados de oposição já haviam anunciado que irão a Conselho de Ética da Câmara contra Coronel Tadeu.

Lula ataca: o chamado ao caos e ao passado. Saiba mais

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 20 comentários