OPOSIÇÃO VAI AO STJ CONTRA TROPA DE PIMENTEL

O deputado Gustavo Corrêa disse o seguinte a O Antagonista sobre os abusos cometidos pela tropa de Fernando Pimentel:

“Entramos com uma reclamação no Superior Tribunal de Justiça, com pedido de tutela de urgência para paralisar o processo na Assembleia até que Mesa Diretora da Casa disponibilize para os parlamentares todos os documentos da Operação Acrônimo.

A Assembleia Legislativa está compactuando com as manobras do governador e da base governista para acelerar a votação e evitar que Pimentel seja investigado e julgado pelo STJ.

Hoje presenciamos mais um absurdo: O advogado de Pimentel, Eugênio Pacelli, veio à Comissão de Constituição e Justiça e nem sequer tratou das acusações contra o governador. Além disso, não foi permitido que fizéssemos qualquer tipo de pergunta a ele. Está sobrando manobra e faltando transparência.”

Faça o primeiro comentário