Orçamento pode causar saída da equipe de Guedes, diz ex-secretário do Tesouro

Orçamento pode causar saída da equipe de Guedes, diz ex-secretário do Tesouro
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Para Carlos Kawall, ex-secretário do Tesouro, a aprovação do orçamento de 2021 com emendas infladas e manobras para furar o teto de gastos pode resultar na saída da equipe econômica.

O que foi feito no orçamento é vergonhoso. É algo que não tem nenhum objetivo de aumentar gastos ligados à pandemia, e sim ao ciclo político, para fins eleitorais”, disse ao Valor.

Pode ser que ele [Paulo Guedes] ou pode ser que mais secretários dele saiam. Depende do grau para o qual a coisa evoluir. Mas a minha esperança é que fique claro que isso vai acabar envolvendo crime de responsabilidade, com violação da legislação orçamentária, e sabemos que isso levou ao impeachment [de Dilma Rousseff].”

Na semana passada, como noticiamos, o Congresso aprovou o orçamento com manobras para furar o teto de gastos. O texto obrigará a área econômica a realizar um forte bloqueio de despesas para o cumprimento de regras fiscais.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO