Os 25 senadores que pedem veto integral da Lei de Abuso de Autoridade

O Antagonista divulga abaixo a lista dos 25 senadores que assinaram manifesto pedindo a Jair Bolsonaro o veto integral da Lei de Abuso de Autoridade.

Pelo regimento, se o presidente da República vetar integralmente a nova lei — o que líderes de seu partido já disseram ser impossível –, o veto será avaliado, primeiramente, pelo senadores, uma vez que o projeto nasceu no Senado. Se o veto for mantido, conforme o regimento, ele nem precisará ser analisado pelos deputados.

Um detalhe importante: votação de derrubada de veto é nominal.

A lista dos signatários do manifesto:

1. Eduardo Girão (Podemos)
2. Styvenson Valentim (Podemos)
3. Oriovisto Guimarães (Podemos)
4. Leila Barros (PSB)
5. Flávio Arns (Rede)
6. Lasier Martins (Podemos)
7. Alvaro Dias (Podemos)
8. Alessandro Vieira (Cidadania)
9. Esperidião Amin (PP)
10. Marcos do Val (Podemos)
11. Jorge Kajuru (Patriota)
12. Carlos Viana (PSD)
13. Mailza Gomes (PP)
14. Major Olímpio (PSL)
15. Sérgio Petecão (PSD)
16. Juíza Selma (PSL)
17. Soraya Thronicke (PSL)
18. Arolde de Oliveira (PSD)
19. Plínio Valério (PSDB)
20. Rodrigo Cunha (PSDB)
21. Luis Carlos Heinze (PP)
22. Romário (Podemos)
23. Jorginho Mello (PL)
24. Reguffe (sem partido)
25. Elmano Férrer (Podemos)

Comentários

  • luciani -

    Fico muito feliz em ver que os 3 senadores do Paraná estão alinhados no veto, contra uma medida que pode impedir o combate a corrupção.

  • Lara -

    Essa lista tem que estar em todas as redes.

  • José -

    Abuso de autoridades foi encaminhado por Renan Calheiros, um parasita e um câncer na política e no desenvolvimento político e econômico do Brasil.

Ler 163 comentários