Os 90% de Michel Temer

Michel Temer ainda tem de superar o TSE e os anexos da Odebrecht, mas sua base é assombrosamente forte.

Um levantamento do Estadão mostra que, depois do segundo turno das disputas municipais, os partidos que o apoiam podem comandar 90% do eleitorado do Brasil.

Seus aliados elegeram 4.400 prefeitos no primeiro turno e são favoritos em quase todas as cidades que votam neste domingo.

Faça o primeiro comentário