Os jabutis da reforma tributária para beneficiar Maranhão

O relator da reforma tributária no Senado, Roberto Rocha, tucano do Maranhão, colocou quatro itens em seu parecer que beneficiam seu estado, informa o Estadão.

Rocha tenta criar uma “zona franca” em São Luís e destinar recursos reservados à região Norte ao Maranhão, apesar de o estado ficar no Nordeste. Ele argumenta que parte do território integra a Amazônia Legal e, portanto, deve receber os recursos para preservação florestal destinados à região vizinha.

Outros dois pontos são a destinação de recursos arrecadados com a base de Alcântara para o Maranhão, bem como dá aval ao repasse de recursos para a região localizada na junção de quatro estados –Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia–, chamada de Matopiba.

Comentários

  • EDUARDO -

    Maranhão só produz pilantra: Sarney, Lobão e agora esse aprendiz de vigarice querendo zona franca.

  • Chrisoula -

    Tem de acabar com a zona franca de Manaus.

  • Noely -

    Está na hora de dar carta de alforria ao Maranhão que vire um paiseco e desejamos que se transforme num Isrrael.

Ler 18 comentários