Os maiores financiadores de Palocci

Entre os maiores financiadores de Antonio Palocci, o operador de Lula, estão o Bradesco, que lhe deu 16,5 milhões de reais, e a CAOA, que lhe deu 12,6 milhões de reais.

Trata-se da mesma empresa que repassou dinheiro a Fernando Pimentel e a Luleco.