Os planos de Bolsonaro contra o crime

O general Augusto Heleno está preparando o programa de Jair Bolsonaro para o combate à criminalidade.

O UOL resumiu os pontos principais do plano:

“Na área de segurança, o grupo traça estratégias para combater a lavagem de dinheiro do tráfico de drogas, armas e madeira. Para o grupo, rastrear o dinheiro movimentado nessas atividades é a melhor forma de combater o crime organizado.

Em paralelo, defendem investir em dois programas das Forças Armadas de monitoramento de fronteiras, o Sisfron (Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras) do Exército, e o Sisgaaz (Sistema de Gerenciamento da Amazônia Azul), da Marinha, e aumentar os esforços diplomáticos para convencer países vizinhos a reprimir mais o tráfico.

Eles ainda discutem como integrar a troca de informações de inteligência da Polícia Federal com polícias estaduais.

Para a equipe técnica de Bolsonaro, as Forças Armadas terão papel de destaque na segurança pública (…).

Também entendem que o Exército, a Marinha e a Aeronáutica devam continuar a ser usados em operações de Garantia da Lei e da Ordem.”

Comentários

  • Calefi -

    Concordo plenamente com o plano de segurança! uma ação bem planejada o risco de falhas é menor....chega de falácias desses politicos incompetentes, o negocio é "botar a mão na massa", e agir.

  • Cipri -

    É isso aí Bolsonaro. Ferro no cu da bandidagem.

  • Almanakut -

    Desfile 7 de setembro 2018 São Paulo SP Luciano Bernardes

Ler 191 comentários