Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Pacheco: "Razões por que não foi feita a sabatina podem ser muitas"

O presidente do Senado defendeu a indicação de André Mendonça ao STF e minimizou a demora de Davi Alcolumbre em pautar o tema na CCJ
Pacheco: “Razões por que não foi feita a sabatina podem ser muitas”
Foto: Adriano Machado/Crusoé

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, defendeu há pouco a confirmação do nome de André Mendonça para o STF. O indicado de Jair Bolsonaro aguarda a sabatina na CCJ do Senado desde julho.

Com a demora do presidente da comissão, Davi Alcolumbre, em pautar a discussão, outras autoridades voltaram a fazer campanha pela vaga no STF, como Augusto Aras.

A jornalistas no Senado, Pacheco afirmou que a decisão sobre a data da sabatina cabe apenas a Alcolumbre.

Acho que estamos em um bom caminho para exaurir esse assunto na CCJ, com a sabatina do ministro André Mendonça. Conversarei com o presidente Davi [Alcolumbre], respeitando a autoridade dele como presidente da CCJ, mas sempre faremos a ponderação do melhor caminho, de consenso.”

O presidente do Senado descartou a possibilidade de que Alcolumbre não tenha pautado a discussão por uma preferência por outro indicado.

“As razões pelas quais ainda não foi feita a sabatina podem ser muitas. A indicação de um ministro é algo complexo.”

Mais notícias
TOPO