Pacheco tentou emplacar aliado na ANTT enquanto segurava CPI

Pacheco tentou emplacar aliado na ANTT enquanto segurava CPI
Foto: Roque de Sá/Agência Senado

Enquanto segurava a CPI da Covid —antes da determinação de Luís Roberto Barroso para que ela fosse aberta—, Rodrigo Pacheco tentava emplacar um ex-funcionário de seu gabinete, Arnaldo Silva Júnior, no comando da ANTT, a Agência Nacional de Transportes Terrestres.

No fim de 2020, o presidente do Senado, que vem de uma família dona de empresas de ônibus, garantiu em acordo costurado com o governo a indicação de seu então funcionário para uma das diretorias da agência.

LEIA AQUI a reportagem de Patrik Camporez na Crusoé; assine a revista e apoie o jornalismo independente.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO