Pacientes fogem dos hospitais de Manaus para 'morrer em casa'

Pacientes fogem dos hospitais de Manaus para morrer em casa
Foto: Marcio James/Prefeitura de Manaus

Enfermeiras de Manaus relataram ao Globo que pacientes com Covid-19 estão fugindo dos hospitais diante das cenas de horror, com gente morrendo em salas lotadas por falta de oxigênio.

A técnica em enfermagem Arlene Loureiro de Albuquerque contou o caso de um paciente de 46 anos, infectado, que estava internado no Hospital 28 de Agosto, o maior de Manaus.

“Ele ficou alucinado vendo tantas coisas. Em questão de horas, algumas pessoas morreram perto dele, e ele ficou com medo e fugiu. Quando chegou em casa, a família tentou internar ele de volta. Ele está com Covid-19 e estava nas alas destinadas a pacientes com a doença. É horrível. Ele não aguentou essa pressão.”

Outra enfermeira narrou que um paciente infectado, com sinais de estresse, implorou para ir para casa ao ver a escassez de oxigênio no mesmo hospital.

“Ele queria ir embora pra casa. Ele falava que ia fugir porque, se fosse pra morrer, que morresse em casa e não longe da família.”

Leia mais: Enquanto dezenas de países do mundo já iniciaram a vacinação contra a Covid-19, o Brasil patina entre duas vacinas.
Mais notícias
TOPO