Pacificando o STF

O Globo informa que o julgamento que definirá se réus podem ocupar a presidência do Senado pode ser adiado pelo STF. Dois dos 11 ministros não estarão em Brasília.

“As ausências não impedem que o tribunal tome a decisão, mas é possível que a presidente, ministra Cármen Lúcia, queira aguardar o voto dos colegas, diante da importância do assunto”, diz a reportagem.

Temer é um pacificador nato.

Faça o primeiro comentário