Padilha não gosta de “gatos”

Lauro Jardim conta o seguinte:

“Há dez dias, numa reunião do Ministério do Planejamento em que estavam presentes os ministros Dyogo Oliveira e Maurício Quintela, Moreira sugeriu um artigo para desobrigar a Odebrecht de pagar a outorga do Galeão. Oliveira topou.

Mas, na terça-feira passada, numa nova reunião no Planejamento com os mesmos participantes, Moreira recebeu uma notícia dada por Oliveira: a Casa Civil, ou seja, Eliseu Padilha, rejeitara o acréscimo. Moreira ficou furioso.

Decidiram, então, inserir a regra das arbitragens extrajudiciais como forma de resolver as disputas nas concessões.”

Eliseu Padilha não gosta de “gatos”.