23 horas por dia

A situação dos trabalhadores da Vila Olímpica vai muito além da informalidade.

O Ministério do Trabalho enviou uma nota a O Antagonista informando que recebeu denúncias relacionadas à jornada de trabalho e às condições de alimentação e higiene no local.

“Foram verificadas jornadas de trabalho de até 23 horas diárias.”