Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Paes condena morte de grávida e defende mudanças no Rio

O prefeito da capital fluminense disse que é preciso pensar numa nova política de segurança
Paes condena morte de grávida e defende mudanças no Rio
Foto: Reprodução

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), criticou nesta quarta-feira (9) a morte de Kathlen Romeu, de 24 anos, que estava grávida e foi vítima de uma bala perdida.

O que a gente não pode é começar a achar que essas tragédias são naturais. Que uma moça sai à rua grávida, jovem, e toma um tiro do nada.”

O episódio ocorreu ontem durante um confronto entre PMs e criminosos no Complexo do Lins, zona norte da cidade.

Mesmo sem ser responsável pelas polícias do Rio, Paes disse que é preciso pensar numa nova política de segurança.

Que prenda mais, condene mais, investigue mais e mate menos. Tem gente que gosta de morte; eu não gosto.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente.
Mais notícias
TOPO