Palocci depõe à CPI do BNDES a portas fechadas

Ao mesmo tempo em que Sergio Moro participa de audiência na CCI e o voto complementar de Samuel Moreira sobre a reforma da Previdência é lido na comissão especial, o ex-ministro Antonio Palocci presta depoimento à CPI do BNDES.

O depoimento é sigiloso. Fechar as portas à imprensa foi um dos meios que deputados encontraram para convencer o delator a falar.

Comentários

  • Kalá -

    Oh ... ? Curiosa democracia.

  • wanderlei -

    Que pelo ao menos realmente fale tudo que sabe.

  • Massaaki -

    ótimo. Quando vamos saber o que ele contou à CPI?

Ler 10 comentários