Palocci pega Lula, Mantega pega Dilma

Guido Mantega “já mandou sua oferta inicial aos procuradores”, de acordo com a Época.

A delação de Guido Mantega, de acordo com a Época, “depende do andamento da delação de Antonio Palocci. Ambas se completam. Palocci pega Lula; Mantega pega Dilma. Os dois foram, em tempos diferentes, os principais operadores das grandes propinas do PT, seja no petrolão, seja no setor financeiro, seja nos bancos públicos.

A delação de Palocci está em estágio avançado; a de Mantega, em pré-negociação. “Pode demorar”.