Para acabar de vez com Lula

Mauro Marcondes, o lobista que depositou R$ 2,5 milhões nas contas da empresa do caçula de Lula, está negociando uma delação premiada com o Ministério Público em Brasília. Segundo Lauro Jardim, as conversas ainda estão no início, mas podem resultar numa “bomba atômica”.

Além de Lulinhazinho, espera-se que o conteúdo atômico da delação acabe de uma vez com o próprio Lula.