Para Deltan, Moro cometeu "equívoco" ao aceitar ministério de Bolsonaro

Deltan Dallagnol afirmou hoje, em entrevista a Josias de Souza, que a entrada de Sergio Moro no governo de Jair Bolsonaro foi um “equívoco”.

“Considerando o privilégio de visão retrospectiva, considerando o muito que aconteceu, eu entendo que foi um equívoco”, afirmou o coordenador da Lava Jato em Curitiba.

“Acabou sendo ruim, no sentido de que não foi possível gerar as mudanças que podia gerar.”

Leia mais: Ele age para blindar Bolsonaro? Clique aqui para ler na íntegra
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 58 comentários
TOPO