ACESSE

Para Gleisi, ida de Moro a Curitiba é "provocação indecente"

Telegram

O PT não gostou da ida de Sergio Moro à superintendência da PF em Curitiba, onde Lula está preso.

Como noticiamos, o ministro da Justiça lança hoje a primeira Delegacia de Investigação e Análise Financeira da PF.

“Essa visita é uma provocação indecente ao STF, que está para julgar os crimes que Moro cometeu contra Lula”, afirmou Gleisi Hoffmann, presidente do PT, registra a Folha.

“[A ida de Moro a Curitiba é uma] tentativa abjeta de desviar o foco dos casos Queiroz e Marielle. Ministro dos factoides no governo das fake news. (…) O modelo de combate à corrupção de Sergio Moro é conhecido: perdoou as penas dos verdadeiros corruptos em troca de delações contra seu adversário político.”

Nas próximas 2 ou 3 semanas, algumas questões realmente importantes — e que provocam paixões — devem chegar a seu ápice e, talvez, a um desfecho. SAIBA MAIS AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 185 comentários