Para Moro, defesa de réus deve melhorar

O Antagonista perguntou a Sérgio Moro se a decisão do STF obrigará os advogados a melhorar a qualidade de suas defesas e se acabarão os chamados “embargos auriculares”.

Moro respondeu o seguinte:

“Se o sistema ganhar em eficiência e coibir recursos protelatórios, haverá uma tendência em focar a Defesa em argumentos substanciais, especialmente relativos ao mérito. Acima de tudo, o processo penal serve para apurar a eventual responsabilidade criminal do acusado, se ele é culpado e inocente, e não, o que é uma tendência negativa, em explorar falhas do sistema processual.”

Moro reiterou que a decisão do STF “pode ser considerada histórica, pois fecha uma grande janela de impunidade no sistema processual brasileiro”.

Leia a primeira parte da entrevista exclusiva com Sérgio Moro.