“Parece um sonho”

Foi o que a ex-deputada ítalo-brasileira Renata Bueno disse a O Antagonista quando viu o avião com o terrorista Cesare Battisti pousar em Roma.

Eleita em 2013 para o Parlamento italiano, Renata estudou minuciosamente o caso e virou uma das principais defensoras da extradição de Battisti.

“É uma história complexa que agora está definitivamente resolvida. Estamos hoje, aqui na Itália, muito felizes. É gratificante ver filhos de pais assassinados 40 anos atrás dizerem: ‘Enfim, meu pai pode descansar em paz’.”

O sucesso (ou insucesso) do 'posto Ipiranga' vai determinar se o Brasil se entrega ao passado de vez ou se nos lançamos ao futuro. LEIA AQUI

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

    1. O terrorismo, para o PT, é uma forma de desestruturar o que eles chamam de “Ordem Vigente”, é ingenuidade pensar que PT quer algo que não seja a destruição da sociedade como a conhecemos.

Ler mais 36 comentários
    1. O terrorismo, para o PT, é uma forma de desestruturar o que eles chamam de “Ordem Vigente”, é ingenuidade pensar que PT quer algo que não seja a destruição da sociedade como a conhecemos.

    1. É urgente diminuir o poder do STF, pois se o PT foi a mente e a mão que armaram esse circo de horrores o STF foi o instrumento.

  1. Sonho ou não, a ida do assassino diretamente da Bolivia pra cadeia na Italia, mostrou mais uma herança da ORCRIM lulopetista: O Brasil ficou conhecido no mundo como paraíso de terroristas.

    1. Vergonha foi o Mollusco ter deixado o terrorista livre. Vergonha foi de 2004 a 2018. Gracas à eleicao do Bolsonaro a vergonha acabou!

    1. Concordo com você, Maria. No fim das contas, o crédito vai para o Bolsonaro, que já havia prometido isso antes mesmo de ser presidente. Ninguém nem lembra do Temer.

    2. O novo governo brasileiro deu um “olé” no STF e não trouxe o Battisti para cá para se evitar surpresas desagradáveis”

  2. Pois é… como é irônico esse fato.No final, quem colhe os louros de tudo isso, é o Evo Morales, o índio cocaleiro. Suprema ironia. Enquanto aqui o que temos a nos envergonhar é o S.T.F.

  3. Dessa vergonha, de transformar o terrorista Battisti em asilado politico, lamentavelmente o Brasil não poderá se afastar. Os govs lula/dilma impuseram a esse Vergonha Internacional para o nosso paí

  4. Antes de todos esses, o capitão já fazia seus pronunciamentos na tribuna da câmara federal brasileira. A medida que o tempo passava, mais soldados foram chegando pra pedir essa extradição.

  5. Os italianos devem estar satisfeitos pelo fato do Battisti não ter passado pelo Brasil. Se isso ocorresse, haveria o risco de um “juiz” esquerdopata lhe conceder um teratológico Habeas Corpus.

    1. Rapaz, seu comentário é perfeito, parabéns! Com o Puxadinho petralha chamado STF teríamos a meta dobrada porque não tinham colocado 1 meta alcançada, mas quando alcançarem, teremos Renan na Pre

  6. Não esqueçamos: o Brasil só fez lambança. Destaque para o STF, Tasso Genro, Lula e a PF, que não descobre quem mandou Bolsonaro e por não monitorar esse terrorista. A Bolívia salvou a Am Latin

  7. Só a decadência do mundo moderno explica como um assassino terrorista com este assombroso histórico conseguiu ficar 37 anos foragido, sob proteção de tantas pessoas e até de governos.

    1. E só saiu no governo Bolsonaro! Temer demorou 2 anos para anistiar, apesar de apelos da Itália, desde setembro de 2017!