Patrulha canina

O PT divulgou hoje um vídeo que mostra Gleisi Hoffmann falando de dois cachorros abandonados que teriam sido adotados por militantes do MST acampados em frente à Superintendência da Polícia Federal de Curitiba. Os cães, conta a senadora, ganharam o nome de Resistência e Lulinha.

“Gente, deixa eu dizer uma coisa aqui: este acampamento do Lula é uma coisa muito legal”, afirma a presidente do PT, no início do vídeo.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

Ler mais 54 comentários
  1. Canalhas! Bandidos! Safados! Cadê a sociedade protetora dos animais que não toma uma providência?!
    Batizar um pobre e indefeso animalzinho com o nome de Lulinha é muita desumanidade. Que mal fez essa meiga criatura para receber tão cruel castigo?!

  2. Pode ser que ela esteja certa. Essa coisa de civilização não dá certo mesmo. Os civilizados, que na democracia recebem o apelido de cidadãos, querem ter propriedade, ganhar dinheiro e abandonar cães. O jeito esquerdista é muito mais simples, levam todos eles para viver nas cavernas e dividir o alimento. Sem essa coisa moderna chamada fogo, é claro.

  3. Quanto cinismo dessa tagarela, a tribufu tem que devolver o nosso dinheiro gasto nesse acampamento de bandidos, existe uma ação popular contra esses políticos. Joice Hasselmann, Carla Zambelli e o advogado Júlio Casarin acionaram a justiça pra que esses salafrários devolvam os recursos gastos de forma irregular, os canalhas estão usando o dinheiro do povo pra fazer ato político, quando deveriam estar trabalhando no Senado.
    AJUDEM NO ABAIXO-ASSINADO
    https://www.abaixoassinado.org/abaixoassinados/40723

  4. “Gente, deixa eu dizer uma coisa aqui: este acampamento do Lula é uma coisa muito legal”, afirma a presidente do PT, no início do vídeo… (antes de ir dormir em seu confortável apartamento – faltou completar)

  5. Então: convidaram um dos filhos de lula visitar o acampamento, a resposta foi esta: esqueçam isto!
    Nem no “showmissa” foram.
    Querem uma ideia de motivação: mas recusaram.
    (Jornal da Cidade ).

  6. Para a seita tudo é passível de exploração política. No caso, trata-se do sentimentalismo que se estende aos cachorros, como se a natureza não os tivesse dotado da auto-suficiência própria dos animais.

  7. Alem dos mendigos,bebados e craqueiros,o acampamento do lula em curitiba ta atraindo os cachoros abandonados da cidade.Vao transformar aquilo numa cidade modelo socialista.Os coitados dos cachorros nao sabem o destino deles,na hora q acabar a costela e a mandioca.