Paulinho da Força atuou para favorecer um dos maiores sindicatos da América Latina, diz PF

A Polícia Federal tem “indícios fortíssimos” de que o deputado federal Paulo Pereira da Silva, presidente do Solidariedade, atuou no Ministério do Trabalho para favorecer o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil de São Paulo (Sintracon-SP), considerada uma das maiores entidades sindicais da América Latina.

Na representação da PF no âmbito da Operação Registro Espúrio, a cuja íntegra O Antagonista teve acesso, consta que Marcelo de Lima Cavalcanti, chefe de gabinete de Paulinho, tinha “interlocução direta com o número administrativo da ORCRIM” investigada.

Em 8 de março de 2017, Cavalcanti enviou ao ministério, por e-mail, uma petição do advogado Antonio Rosella, representante do Sintracon, com determinação implícita para que o pedido de alteração estatutária do sindicato — que já havia sido arquivado — fosse reanalisado e deferido. O advogado, também assessor jurídico da Força Sindical, sequer se deu ao trabalho de assinar a peça.

A mensagem foi encaminhada ao então coordenador-geral de registros sindicais, Leonardo Cabral. Depois de 36 dias, em 13 de abril, o Diário Oficial da União publicava o deferimento do pedido.

Menos de um mês antes do encaminhamento do e-mail, em 10 de fevereiro, Paulinho da Força estava reunido com a diretoria recém-eleita do Sintracon.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Jorge Pescador disse:

    Gente inútil! Gordos bem alimentados,sorriem de satisfação. ACORDA PEÃO!!VOCÊ PAGA A CONTA!!

Ler comentários
  1. Antonia disse:

    Deveria estar na cadeia já faz tempo. GILMAR SOLTA

  2. Ovelha disse:

    Matilha de vagabundos, todos gordos, só comem ovelhas trabalhadoras!!

    1. Também o que primeiro me chamou a atenção na foto foi que todos são gordos, devem ser bem nutridos e muito, muito sedentários.

  3. Eleitor Brasileiro disse:

    Paulinho da Força é bandido convicto, sabe muito bem que sindicato é coisa de marginal e por isso sempre esteve infiltrado.

  4. JOCA disse:

    Relaxem, o Brasil não corre o menor risco de dar certo. Temos o Gilmar Mendes.

  5. Fernando Costa da Silva disse:

    Esse cara ja deveria estar na cadeia.

  6. Torresmim com cachaça disse:

    O lema de todo sindicalista: "O TRABALHO EMPOBRECE O HOMEM".

  7. Sindicato é coisa de VAGABUNDOS! disse:

    O Brasil precisa acabar também com esse MPT, com a Justiça do Trabalho e com o Ministério do Trabalho! Seria uma economia de mais de R$ 100 bilhões por ano! Já arruma 2/3 do déficit público! Briga entre patrão e empregado deve ser resolvido na Justiça Comum, como é nos EUA, por exemplo. Chega de sustentar vagabundos, malandros e Barnabés da Justiça.

  8. Jorge Pescador disse:

    Bando de pançudos e pançudas inúteis.O povo otário paga a conta.

  9. Corja disse:

    esse ministério deveria junto com outras jabuticabas brasileiras que serve de covil para marginais oficiais der extinto iria sobrar muito dinheiro para outros importantes

  10. Eduardo Cwb disse:

    Depois de tudo apurado, tudo processado, tudo desvendado, vai o sindicalista de Toga, Sr Fachin, julgar.

  11. Olhem bem as caras dessa gentalha! disse:

    Com quanto essa gente contribui para o PIB brasileiro, para a geração de renda, de empregos, de bem-estar social...? ZERO! Todo esse pessoal vive pendurado nas tetas dos brasileiros e ainda apóiam o Lula, a Dilma, o PT, quando deveriam ser isentos. Essa gentalha só serve para sugar o seu salário!

  12. nena disse:

    "Ovelha disse: 8 de junho de 2018 às 15:36 Matilha de vagabundos, todos gordos, só comem ovelhas trabalhadoras!" O que primeiro me chamou atenção na foto foi que todos são realmente bem gordos. Devem estar bem nutridos e ser muito, muito sedentários.

  13. Gioconda disse:

    Esse Paulinho é aquele que dava surras na ex-mulher ...

  14. Censação disse:

    'O Big Brother está te observando.' (G. Orwell)