Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

'Pazuello negava Coronavac e superfaturava seu preço nos bastidores', diz Doria

O governador de São Paulo comentou a revelação de que o ex-ministro da Saúde negociou as vacinas produzidas pelo Instituto Butantan com uma intermediária
Pazuello negava Coronavac e superfaturava seu preço nos bastidores, diz Doria
Foto: Governo do Estado de São Paulo

O governador de São Paulo, João Doria, comentou nesta sexta-feira (16) a reportagem da Folha que revelou que o então ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, negociou doses da Coronavac com uma intermediária, em março de 2021, por um valor três vezes maior do que o ofertado pelo Instituto Butantan.

Segundo Doria, Pazuello tentava superfaturar o imunizante em nome do governo de Jair Bolsonaro. O governador classificou o episódio como uma vergonha nacional”.

“Enquanto trabalhávamos para viabilizar a Coronavac de forma segura e com preço justo p/ os brasileiros, o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, em nome do governo Bolsonaro, negava a vacina e superfaturava seu preço nos bastidores. Uma vergonha nacional!”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO