PC do B no colo do PT

O PC do B ensaiou se descolar do PT, mas voltou correndo para o aconchego lulista.

Orlando Silva, depois de negociar com Rodrigo Maia, disse à Folha de S. Paulo:

“O governo está vindo com reforma, com ataque. Nós não temos tempo para ficar discutindo por besteira.”

A lama por baixo do desastre de Brumadinho. Acompanhe aqui!

Temas relacionados:

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 42 comentários
  1. Neste caso a união é contária aos interesses do país. Uma coisa que a direita precisa aprender de vez é lutar unida pelo Brasil, a derrota de Renan foi um belo e promissor começo.

  2. Reforma p/ esses doentes é “ataque”. São conta, lógico, querem que o Brasil continue na bhosta em que eles nos colocaram e na qual lucram com as desgraças do povo. Vermes do esterco.

  3. Esse tal de Orlando Silva é aquele que foi ministro do esporte do PT e ajudou a “construir o legado” da copa e das olimpíadas??? E um governo sério vai conversar o que com um cara desses???

    1. Sim. É o mesmo que recebeu PROPINA na garagem do Ministério do Esporte quando era ministro de Dilma, de acordo com a reportagem da revista VEJA, de 15/10/2015.

  4. são esses os “partidos “democráticos que visam um estado de partido único e gtotal contrôle da máquina! o xefete do pcdob ainda vai ter de explicar mjuita coisa sobre mundial/olimpíadas!!!!!