PEC do Teto acabará no STF

Michel Temer combinou com o Congresso a aprovação da PEC do Teto dos Gastos, mas agora é surpreendido com a posição da PGR contrária à medida – que congela reajustes e contratações no Judiciário.

Temer viu na nota técnica da PGR uma ameaça velada. Se aprovado o texto do jeito que está, o Ministério Público também vai recorrer ao Supremo, assim como fez a oposição.

Complicou.

Faça o primeiro comentário