Pedido de vista também suspende debate sobre foro privilegiado na Câmara

Um pedido coletivo de vista suspendeu a votação da PEC do Foro que passou pelo Senado e está em debate na Câmara dos Deputados.

Relator da proposta, o deputado Efraim Filho apresentou parecer favorável para que tenham direito ao foro apenas o presidente da República, seu vice, e os presidentes da Câmara, do Senado e do Supremo Tribunal Federal.

Neste ano, STF e STJ decidiram restringir o foro de políticos a crimes cometidos durante o exercício do mandato e em razão da atividade parlamentar.

O "velho Brasil" contra-ataca a Lava Jato e Sergio Moro. Entenda AQUI

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 24 comentários
    1. Uma dúvida.Quem vota um pedido de IMPEACHMENT de um Min.do Supremo?Nessa PEC tem que colocar um limite de tempo para os juízes,que na minha opinião deveriam fazer concurso ou vim de um.

  1. Ele se expôs agora… FILHO DA PUTA. LUCAS_SILVA “O projeto não pode retroagir. #LulaLivre. É a segurança do apoio desses Antas que preferem essa área fake daqui. Só comentários fakes.

  2. Os supremos bandidos precisam ser julgados como qualquer ser humano, apesar de se acharem deuses. e deveria alguma instância acima destes “Deuses”. Eles deitam e rolam sobre o povo e a lei.

  3. Alem de ser mais justo, o fim do foro privilegiado para todos os funcionários públicos proporcionaria uma maior agilidade para o STF julgar o que lhe é de exclusiva competência, causas constitucio

  4. Tanto faz o pedido de vista, seria só discussão, mas não poderia ser votado, nenhuma PEC pode ser votado enquanto durar a intervenção federal na Segurança do RJ. Vai ser ano que vem.

  5. Lucas Silva seu merda burro e otário. Derruba um que eu faço outro seu lixo de bosta. As postagens foram printadas e vc sabe que eu posso te foder né seu merdão! Lixo humano, covarde de merda!