Pegaremos em armas

“Se for preciso pegaremos em armas para defender a democracia e o governo eleito democraticamente pelo povo. E só pra lembra [sic] em 64 já fizemos para ter essa democracia que temos hoje”.

A mensagem é do vereador petista Élio Brasil. Segundo a Folha de S. Paulo, foi enviada a um grupo de aliados e eleitores por meio do WhatsApp durante a Marcha do Pixuleco em Porto Seguro, na Bahia.

O vereador imitou o pelego da CUT Vagner Freitas, que afirmou estar preparado com ”armas” e um ”exército” para barrar qualquer tentativa de tirar Dilma Rousseff do poder.

Depois da Marcha do Pixuleco, teremos o Exército do Pixuleco.

Pixuleco de baixo calibre



Faça o primeiro comentário